29 de nov de 2008

"Black Friday"

.
Estamos ensaiando para os dias em que seremos piores.
.
.
.
A corrida começa. As portas se abrem. Uma multidão inebriada com o cheiro de coisas novas apressa-se em busca do consumo.
Black Friday (Sexta-feira Negra)é como os norte americanos denominam o primeiro dia de compras de fim de ano, no qual tarjas pretas são colocadas em produtos que estão em promoção.
O cheiro alucinogéno das compras acompanhado de um desejo alienado levou, sei lá quantas, dezenas de pessoas a pisotearem um homem que trabalhava em uma grande rede de varejo em Nova York.

Diante de tal acontecimento e lembrando dos prognósticos negativos das equipes econômicas dos governos, as manchetes dos jornais perguntam: Onde está a crise?

Onde está a crise? Será que é isso que deveríamos nos perguntar neste momento?
O caso desta Black Friday aponta para uma crise muito mais profunda, uma crise de humanidade, de consciência e de clemência.

E ao observar todas as principais manchetes desta última sexta-feira, tanto as nacionais quanto as internacionais, sugerem o mesmo indicativo: muitas tarjas pretas ainda serão colocadas, muito preto ainda será usado e outras Black Fridays virão.

11 de nov de 2008

The Story of Stuff - A História das Coisas - Versão Brasileira



.um simples olhar certeiro sobre produção e consumo.

Assistam!

16 de out de 2008

Janta por Camelo e Mallu

Eu quis te conhecer mas tenho que aceitarCaberá ao nosso amor o eterno ou o não dáPode ser cruel a eternidadeEu ando em frente por sentir vontadeEu quis te convencer mas chega de insistirCaberá ao nosso amor o que há de virPode ser a eternidade máCaminho em frente pra sentir saudadePaper clips and crayons in my bedEverybody thinks that i'm sadI'll take a ride in melodies and bees and birdsWill hear my wordsWill be both us and you and them togetherCause i can forget about myself, trying to be everybody elseI feel allright that we can go awayAnd please my dayI let you stay with me if you surrenderEu quis te conhecer mas tenho que aceitar(I can forget about myself trying to be everybody else)Caberá ao nosso amor o eterno ou o não dá(I feel all right that we can go away)Pode ser a eternidade má(And please my Day)Eu ando sempre pra sentir vontade.(I'll let you stay with me if you surrender)